• Marcelo Teixeira

Como famílias tóxicas tornam pessoas boas em más.

Atualizado: Nov 2

Você consegue manter seus valores em sua família tóxica?

Famílias tóxicas são compostas por mentiras, engano e narcisismo, onde o comportamento abusivo é escondido e disfarçado.


As famílias tóxicas são moldadas inevitavelmente por um dos pais em algum momento, e muitas vezes para servir a seus próprios interesses.

Muitos pais narcisistas criam ambientes familiares tóxicos enquanto envolvem seus filhos em seus dramas e fazem tudo o que é necessário para apresentar um rosto perfeito para o mundo exterior , e não importa o impacto que isso tenha sobre seus filhos.

Um ambiente familiar tóxico tende independente do temp, permanecer um ambiente familiar tóxico.

No entanto, todos nessa família fazem parte de um mundo mais amplo.


Eles podem ter um casamento feliz, ter empregos interessantes, envolver-se com a comunidade ou com uma rede de amigos além de ser bons pais.


Porém, assim que você coloque-os de volta para o ambiente familiar tóxico e, não importa como eles sejam no resto do tempo, eles rapidamente se tornam mentirosos, trapaceiros, agressivos (ou passivo-agressivo) e pessoas totalmente desagradáveis.


Isso ocorre porque ele voltam às suas funções anteriores.

À medida que envelhecemos e, esperançosamente, crescemos como pessoas, embora possamos manter uma personalidade essencial , deixamos de ser o nosso eu da infância.


Quando você é colocado de volta naquela panela tóxica, você tende a voltar aquele "tipo".

Se você sempre foi o garoto furtivo e passivo-agressivo, provavelmente agirá dessa forma porque não conhece outra maneira de agir perto de seus irmãos e pais.

Mesmo que você tenha mudado consideravelmente, seus outros membros da família esperam que você aja como sempre agiu e podem, inconsciente ou conscientemente, manipulá-lo para essa posição. Não importa o que você aprendeu sobre a vida e o quanto mudou, você pode rapidamente cair em um papel que geralmente não se encaixa com você.

Você é forçado a responder a mentiras, trapaças e agressão

Como adulto, você tem a opção de se cercar do tipo de pessoa que reflete seus valores e com quem você se sente confortável. Sua família biológica pode não representar as pessoas que você escolheria ter em sua vida. Se sua família tóxica se alimenta de mentiras, trapaças, insultos e comportamentos abusivos, a menos que você vá ficar quieto, será forçado a responder de alguma forma.

Se sua família apoia um comportamento abertamente agressivo ou emocionalmente abusivo você pode acabar recorrendo a táticas passivo-agressivas, mentindo e se enganando para permanecer seguro - por mais que deplore esse tipo de comportamento. Quando está com sua família, você pode se tornar muito mais desagradável e manipulador do que em sua vida normal.

Famílias tóxicas prosperam em panelinhas.

Quer se trate de fofocar sobre um membro "mais fraco" da família para que uma camarilha reforce seu senso de ego vulnerável, ou se uma camarilha é formada por ciúme de outro irmão formar panelinha é uma forma de se aliar a outra família membro - apesar do fato de que pode ser muito prejudicial para alguém que está fora da camarilha.

Talvez sua mãe seja a força dominante na família e seja melhor ficar com ela.

Talvez você tenha um irmão agressivo e abusivo e, para evitar conflito total, se sinta mais seguro em ficar com ele. Você pode ser uma boa pessoa e pode sentir que suas ações irão causar danos a outro membro da família, mas você está preparado para ir contra seus próprios valores a fim de se proteger.

Objetivos familiares maiores.

Ser “parte da família” significa que você pode estar trabalhando em prol de objetivos familiares maiores. Você pode acabar ignorando seus próprios valores ao trabalhar com outros membros de sua família para atingir a meta. Dada a natureza da família tóxica, o objetivo pode não ser desejável ou ético - por exemplo, você pode estar envolvido em uma decisão antiética de empresa familiar. Para atender às necessidades da família, porém, você deixa de lado seus valores de “pessoa boa” por enquanto.

É impossível ficar neutro.

Você pode entrar em um ambiente familiar tóxico com a intenção de permanecer neutro. Se você está ciente das táticas usadas em sua família, pode tomar uma decisão consciente de não se envolver - até descobrir que na verdade não há nenhum papel para você. Se você não vai se envolver, forme alianças e seja pego no drama, você pode se descobrir tão ignorado e marginalizado que nem parece que você faz parte da família. Não importa o quão abominável você ache o comportamento de sua família, você pode sentir falta da emoção de estar envolvido nas brigas e fofocas.

Se você permanecer neutro, poderá até mesmo receber o pior da fofoca e do comportamento desagradável - talvez até mesmo irmãos que não costumam formar uma camarilha se unam contra você (já que você está obviamente fazendo um comentário em toda a entidade familiar, optando por ficar de fora desta forma). Assim, você fica entediado de ser neutro e pula de volta, não importa o quanto você precise se comportar.

Não há resposta fácil quando se trata de ser membro de uma família tóxica. É importante manter seus valores e lembrar que você é uma pessoa independente com sua própria vida. Continue buscando o apoio de amigos e familiares que não fazem parte de sua família biológica.

Se você está testemunhando coisas que são muito difíceis para você lidar com a família, como a tolerância de comportamento abusivo, você deve considerar se vai se envolver ou se vai embora. O problema de se envolver é que, se isso sempre foi tolerado dentro da família, tanto o perpetrador quanto a vítima podem estar envolvidos em sua perpetuação. Falar o que pensa é diferente de se envolver nas mesmas velhas discussões que podem durar 50 anos ou mais.

Se é assim que sua família tóxica opera e todos parecem bem em conviver com isso, que impacto seu envolvimento está tendo sobre você?

Separar-se da família é uma escolha incrivelmente difícil de fazer.


Muitas pessoas passam anos debatendo se há uma maneira de permanecerem parte da família ( fiéis a si mesmas e aos seus valores ), já outros o afastamento é a única opção.


Embora muitas vezes haja uma sensação de profundo pesar, cabe da consciência compreender que muitas coisas não poderiam ter sido diferentes.


Junte-se à minha lista de e-mail com mais de 40 mil pessoas e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.

Garanta sua certificação fundamentada no rigor excelência da International Society for Emotional Intelligence na Imersão QEi9, o mais completo programa de Inteligência Emocional que já impactou mais de 9.000 alunos.


Evento Presencial São Paulo - Dias 21 e 22 de Novembro - Clique aqui

Imersão Online ( 1 ano de acesso ) - Clique aqui


1 visualização

copyright (c) 2019 . todos os direitos reservados.