• Marcelo Teixeira

O sucesso de curto prazo é veloz, já o de longo prazo é eterno



Afinal… o que contribui na diferença entre as decisões tomadas por pessoas bem- sucedidas de todas as outras decisões tomadas em um modo geral, seja em uma hora, diariamente e até mesmo semanalmente?

Por que algumas pessoas sempre tomam mais decisões certas com poucas “chances" de fracasso?

Como podemos nos tornar melhores quando o assunto é "decisão" seja no nosso próprio trabalho e vida pessoal? Como podemos nos modelar nesse nível de sucesso?

As Pessoas de sucesso sempre identificam o problema em primeiro lugar.

Tudo começa com a identificação do problema que esta a sua frente.

Você precisa de um novo carro esportivo ou você precisa de um novo modo de transporte para começar a trabalhar? Ambos são conjuntos de problemas completamente diferentes.

A primeira tem uma solução de suposição incorporada, que você precisa de um carro novo e que este carro novo, DEVE ser um carro esportivo, enquanto a última faz a pergunta sobre como você pode se locomover para o seu trabalho.

No qual podemos incluir uma variedade de soluções potenciais - carro, trem, ônibus, bicicleta, andar, pular, etc. Como qualquer decisão, é importante primeiro enquadrar o problema no contexto do problema real e não dentro de um quadro de soluções que estamos tentando alcançar.

Isto é: Devemos restringir o nosso foco e limitar nossas opções.

Por exemplo:

Eu quero ajudar crianças aprenderem x Eu quero ajudar crianças aprenderem como ser melhores programadores .

Concorda comigo que são dois conjuntos de foco muito diferentes.

Ambos são destinados a ajudar as crianças a crescerem, mas a última declaração coloca a tomada de decisão firmemente nas mãos dos decisores - "é sobre isso que vou focar, é aqui que vou ser bem-sucedido” - enquanto a declaração anterior se propõe a trazer uma consulta externa sobre o foco e sobre o processo de tomada de decisão .

Muitas pessoas ficam preocupadas quando o assunto é restringir o foco pelo medo de que estão minimizando suas chances de sucesso, limitando suas opções do que poderiam conseguir.

Que de fato, quando estreitamos o nosso foco estamos realmente aumentando nossas chances de sucesso, garantindo que cada opção disponível na decisão seja uma dentro de nosso nicho comprovado por decisões que foram bem-sucedidas.

O que eu quero dizer, é que elas observam o seu "jogo" para o sucesso a longo prazo e não ao curto prazo.

O sucesso a curto prazo é veloz , é o hoje, é o amanhã, é o agora, mas o sucesso a longo prazo é eterno.

Quando avaliamos nossas decisões a longo prazo, analisamos os critérios que não estão disponíveis hoje, mas pode ser fatores para o futuro, e com isso mudariam a nossa decisões futuras.

Comprar o carro esportivo hoje, durante o verão, quando o clima estiver quente lá fora, é uma ótima decisão para o hoje e nos próximos meses, mas, no inverno, o valor diminuirá drasticamente à medida que outros fatores entrarão em jogo.

Eles digerem as informações úteis e ignoram a o dialogo interno baseada no mundo externo.

Vivemos em uma sociedade rica em informações, onde constantemente somos bombardeados por informações.

Por exemplo:

Veja como construir algo melhor tão simples quanto uma caixa de madeira para armazenar seus documentos, que você encontrará centenas de imagens, artigos , e provavelmente até encontrará alguns blogs dedicados a este assunto e todos com o foco direcionado em suas características incríveis , fora uma grande experiência.

Como se decide frente a essa quantidade tanta informações?

Ignore, deixe-o de lado, leve o que você precisa e siga em frente.

No final do dia, a decisão é sua, e não do mundo. As decisões bem-sucedidas baseiam-se em ignorar a “conversa do que é ideal ou impostas pela sociedade”. Pois muitas vezes elas se destinam a fechar nossas mentes para o potencial de sucesso de novas idéias.

Eles separam o bem do mau e as necessidades dos desejos

Os tomadores de decisões bem-sucedidos são capazes de separar o bem do ruim, o certo do errado e as necessidades dos desejos ao avaliar suas decisões.

Um tomador de decisão bem-sucedido separa suas ambições e desejos pessoais da decisão, e examina os critérios em frente deles que moldarão a decisão e demonstrarão o que é necessário para que ele seja bem-sucedido.

Em alguns casos, isso envolve uma separação completa do tomador de decisão da decisão por um período de tempo, fazendo uma pausa e voltando a ele para analisar a decisão com novos olhos.

Quando empregado corretamente essa atitude, isso remove o potencial de decisões por impulsos, que podem ter efeitos negativos de longo prazo.

Eles refletem e avaliam todas as decisões que já fizeram.

Qual foi a última vez que você olhou para uma decisão que você fez e refletiu sobre ela?

Realmente refletiu sobre ela ou simplesmente ignorou? "Eu deveria ter feito isso”

Você olhou para o processo de como você chegou a sua decisão, avaliou as informações que você reuniu? onde o seu foco foi direcionado? quem você ouviu, etc., etc.? Qualquer que seja o motivo, para tomar decisões bem-sucedidas de forma contínua, requer a conscientização e a reflexão para avaliar o que fizemos de errado, onde erramos e quais controles e resultados que devemos implementar hoje para garantir que isso não aconteça amanhã.

De todas as etapas acima mencionadas, avaliar quais as decisões tomadas por nós é a melhor maneira de garantir o sucesso em nossas decisões futuras.

Você está tomando decisões ruins hoje? Ou talvez as decisões que você pretende tomar são decisões bem-sucedidas ?

Em caso afirmativo, comece com uma amostragem do que você já fez. O que você faria de forma diferente se você tivesse a chance de fazê-la novamente?

Como seria melhor identificar o problema ou restringir o foco para garantir que você esteja tomando a decisão certa contra o problema?

Suas decisões se concentram mais nos ganhos de curto prazo alimentado suas conversas Internas e resultados que você gostaria ou você também está perto disso para tomar uma decisão racional?

As pessoas bem-sucedidas tomam grandes decisões porque aplicam os critérios à sua frente de forma diferente ao identificar as suas opções, o que, por sua vez, aumenta a probabilidade de seu sucesso.

A verdade é que não há razão para que não possamos aplicar esse mesmo critério para tomar decisões bem-sucedidas.


1 visualização

copyright (c) 2019 . todos os direitos reservados.